8 vagas de trabalho disponíveis

Seja Atendido em nossas

Início » CIV e CIPP

CIV e CIPP

Para atestar as condições de segurança dos veículos e equipamentos que realizam o transporte rodoviário de produtos perigosos a granel, é realizado inspeções para a certificação do CIV (Certificado de Inspeção Veicular) e CIPP (Certificado de Inspeção para o Transportes de Produtos Perigosos), sendo estas obrigatórias para todos os veículos do tipo leve, pesado, reboque e semirreboque que transportam produtos classificados como perigosos. Esses dois tipos de inspeção sempre são realizadas em conjunto, pois uma é pré-requisito da outra.

Todos os veículos caminhão, reboque e semirreboque do tipo tanque, possuem de fábrica o certificado de CIPP válido, dessa forma sendo necessário a realização apenas do primeiro CIV.

CIV – A inspeção do CIV tem o objetivo de avaliar toda a parte rodante (mecânica) do veículo, sendo os principais itens inspecionados: sistema de freio e suspensão, pneus, equipamentos obrigatórios, sinalização, iluminação, para-choque, protetor lateral, pino e rei e quinta roda, quando aplicáveis.

CIPP – A inspeção do CIPP tem o objetivo de avaliar a parte estrutural do tanque ou carroceria que transporta o produto perigoso. Esse tipo de inspeção se aplica somente para os veículos tanques dos tipos: reboque, semirreboque ou caminhão. Os principais itens verificados na inspeção de CIPP são: vazamento no corpo do tanque, presença de trincas, integridade do quebra ondas, calota, costado, válvulas, bocas de saída e boca de visita, estrutura da carroceria, entre outros.

Documentos obrigatórios para realizar a inspeção de produtos perigosos:

CIV

• Documento de identificação do proprietário ou condutor do veículo rodoviário;

• CRLV ou CRV ou documento fiscal de aquisição do veículo rodoviário;

• Certificado de descontaminação do equipamento veicular emitido por empresa registrada pelo Inmetro, quando aplicável;

• CIV vigente (se aplicável); e

• Certificado de verificação metrológica do cronotacógrafo;

CIPP:

• Documento de identificação do proprietário ou condutor do veículo rodoviário;

• CRLV ou CRV ou documento fiscal de aquisição do veículo rodoviário;

• Certificado de descontaminação do equipamento veicular emitido por empresa registrada pelo Inmetro, quando aplicável;

• CIV vigente; e

• CIPP anterior;

TIRE SUAS DÚVIDAS